De Sapé para o mundo: Em luta válida pelo FFC, no Equador, Paulo Bananada vence Morilo Castilho e já se prepara para o próximo confronto

0
3


O Dia do Trabalhador (1 de maio) teve um significado especial para o sapeense Paulo Eduardo Gonçalves da Silva ou simplesmente Paulo Bananada, de 36 anos de idade, lutador de MMA (artes Marciais Mistas) que viajou até Guayaquil, no Equador, para realizar  mais uma importante luta, desta vez, contra o equatoriano Diego Morilo Castilho), e que resultou em mais uma vitória para o seu extenso currículo de vencedor, a saber: Campeão Coliseu Extreme Fight (CEF), ano 2010; Warch Out Combat Show (WOCS), Campeão Peso Leve, ano 2013; Shoot (Campeão Cinturão do Shooto Sul Americano 70kg), ano 2010; Chile Fight Efect (CFE), ano 2012.

Com 42 lutas na sua carreira, Paulo Bananada, que já foi pasteleiro e segurança noturno, segue no ritmo de ascensão na carreira , com força, disciplina e determinação – o que lhe valeu, também, o cargo de professor de MMA em Johanesburgo, na África. O lutador soma agora, 25 vitórias e 17 derrotas.

Paulo Bananada, depois da luta de sábado,1, deverá seguir para Lima(Peru), para preparação, na expectativa de conquistar o título pelo Fusion Fighting Championship –FFC 45, faltando, para isso, apenas duas lutas agendadas para junho e julho deste ano.

No último domingo, 2, Via rede sociais, Paulo Bananada entrou em contato com a nossa reportagem, deixando uma mensagem aos seus conterrâneos e a todos os seus fãs no âmbito nacional e internacional: “Levo a bandeira da minha cidade e de meu povo comigo. Eu precisava de uma energia extra, e é justamente essa – quando eles, os meus fã e a minha gente, acompanham minhas lutas, independente de vitória ou não, que me sinto muito realizado e feliz.  Isso tem me impulsionado para frente. Sei e sinto orgulho do peso que tenho nas artes marciais. Minhas oportunidades eram mínimas, mas entraram pessoas no meu caminho que me ajudaram a prosseguir. Tenho muito orgulho dos títulos que ganhei, mas nada chega tão perto do valor, de saber da força e do apoio que tenho e ainda possa ter mais. Mesmo sendo veterano, essa é uma emoção diferenciada para mim”.

Logo após a informação de vitória de Paulo Bananada, a prefeitura Municipal de Sapé, através da Secretaria de Educação, Esporte e Turismo – que vem desempenhando  uma política de apoio e incentivo às mais diversas modalidades de esporte, dentro e fora do país, confeccionou Card e divulgou várias  mensagens parabenizando o atleta pela vitória em Guayaquil.

Lutando e sendo campeão na categoria 70kg, o lutador Bananada revelou  que, até 1º de junho, deverá estar com 66kg para poder se enquadrar nessa categoria, tarefa nada difícil para quem, com a disciplina que lhe é peculiar, não descuida da forma física. Certamente, até lá, estará no peso ideal. “Sinto que vão me convidar para lutar dentro dessa categoria”, disse ele.

Da Redação
Com SECOM – Sapé-PB



Fonte: Portal Sapé Na WEB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui